Fátima Bonifácio

In: Geral

22 Jan 2008

Quero deixar aqui os meus parabéns a Fátima Bonifácio, que ontem se apresentou no programa da RTP1 “Prós e Contras”, por demonstrar sem sombra de dúvida que para se ser professor universitário não é necessário ter neurónios nem possuir senso comum.

Basta arrogância e não ter medo de dizer barbaridades.

E já agora… Por demonstrar que educação superior não implica necessariamente boa educação.

7 Responses to Fátima Bonifácio

Avatar

Maria

January 22nd, 2008 at 5:24 pm

Dou-lhe 100% de razão!

Pobres “académicos” (alguns) de Portugal. Creio que o “homem da rua”, aquele que não teve a possibilidade de frequentar uma Universidade teria e saberia apresentar melhores argumentos do que os srs. “doutores”, não falando da falta de respeito ao estar constantemente a interromper os interlocutores, aos gritos.

Educação cívica não existe em Portugal

Avatar

ervadaninha

January 22nd, 2008 at 5:52 pm

Se passasses menos tempo no recreio e mais tempo nas aulas…
Já sabias disso há muito tempo!!!
Enfim, ainda escapaste a tempo… 😉

Nota: Eu não ponho os profs todos no mesmo saco (não só por não caberem todos num daqueles saquinhos do continente). Apesar de ter frequentado aquela instituição maravilhosa que é o IST (fujam enquanto podem), encontram-se por lá professores muito à frente. Pena serem tão poucos.

Avatar

licinio

January 22nd, 2008 at 9:53 pm

Esses são a excepção… que faz a regra… Just my two cents… 😉

Avatar

ervadaninha

January 23rd, 2008 at 2:58 pm

E é que tens mesmo razão… 🙁

Avatar

Sofia Martins

February 1st, 2008 at 11:02 am

“A lei do tabaco, em vigor há um mês, está a provocar uma quebra média homóloga nas vendas”
“As associações de grossistas assumem que já há despedimentos e empresas na iminência de fechar portas, tendência que se irá agravar ao longo do ano. “A quebra média nas vendas dos grossistas é na ordem dos 12%”, refere Jorge Duarte, presidente da Associação Nacional de Grossitas de Tabaco”
Estes enxertos de noticias q cada vez serão mais frequente juntando-se os despedimentos e falencias na restauração irão domar estes energumenos q pululam em Portugal
Calma Dra Fátima q o futuro irá por juízo à força nestas cabeças.Sou médica e dou-he os meus parabens pela coragem de dizer q “o rei vai nu”.É verdade q o fumo passivo é absolutamente inóquo qd comparado c o “alcool passivo” ou “a droga passiva” ou o fumo dos escapes ou até c o stress.

Avatar

Sofia Martins

February 1st, 2008 at 11:05 am

Rematando como alguém dizia:
O povo é burro senão não era povo!!
Se assim não fosse, como explicar não sermos todos moribundos já q descendemos em larga escala de casas de familia cheias de fumo assassino(do pai fumador ou avô fumador…rs)…
Saudações aos puros desempregados mas muito mais saudáveis concerteza…rs

Avatar

licinio

February 1st, 2008 at 11:11 am

Confesso que (talvez na minha burrice de membro do povo…) não percebi se está a ser irónica ou se está a falar a sério…

Comment Form